Viagens de portugueses ao estrangeiro disparam mais de 22%

No primeiro trimestre de 2019, os residentes em Portugal realizaram 4,7 milhões de viagens, um valor que correspondeu a um crescimento de 4,4% face ao quatro trimestre de 2018. As viagens turísticas com destino ao estrangeiro representaram 12,3% do total e apresentaram um crescimento superior às deslocações nacionais, avança o Instituto Nacional de Estatística (INE), esta segunda-feira, 29 de julho. A “visita a familiares ou amigos” manteve-se como a principal motivação para as viagens dos portugueses no primeiro trimestre de 2019, com 2,1 milhões de viagens, uma quebra de 7% em relação do trimestre homólogo, que registou 49,7%. Já o “lazer, recreio ou férias” corresponderam a 1,8 milhões de viagens, com 38,2% do total das viagens, revelando um crescimento de 16,2%. Os “hotéis e similares”, que se classificam como estabelecimentos de alojamento turístico mediante pagamento, concentrou 24,9% das dormidas resultantes das viagens turísticas no primeiro trimestre de 2019, reforçando a sua representatividade. O alojamento em familiares ou segundas casas manteve-se como a principal opção de alojamento, com 68,4% das dormidas. Durante o primeiro trimestre, 87,7% das deslocações aconteceram em território nacional, com 4,1 milhões de viagens, assumindo um aumento de 2,3%. As viagens turísticas com destino ao estrangeiro totalizaram 575,8 mil, com um aumento de representação de 22,4%. O primeiro trimestre do presente ano registrou uma média de 3,91 dormidas nas viagens realizadas pelos residentes. Ainda assim, a média de dormidas apresentou um decréscimo de 2,5%, devido ao período da Páscoa.

Esta entrada foi publicada em Viagens De Portugueses Ao Estrangeiro Disparam Mais de 22% e marcada com a tag , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *