León (México) promove turismo de compras no Brasil.

Os centros de vendas de calçados e produtos de couro em León, em Guanajuato, no México, nunca foram tão relevantes para o Turismo da região.

Ao longo do ano passado, viajantes atraídos por compras representaram 30% do total de visitantes do município e igualaram-se ao contingente de turistas corporativos, que sempre estiveram à frente. O percentual é resultado de um esforço coletivo, com participação das iniciativas pública e privada, buscando divulgar a atividade e levar viajantes de todo o mundo, inclusive do Brasil.

Uma ação nesse sentido aconteceu hoje (2), em São Paulo, organizada pela Oficina de Convenciones & Visitantes (OCV) Léon, orgão oficial de promoção e captação turística da cidade. Destinado ao trade do Brasil, o principal mercado emissor na América do Sul, o encontro mostrou o potencial e as possibilidades do destino mexicano. “Viemos para tornar mais próxima a nossa relação com o mercado brasileiro e, quem sabe, melhorar a maneira como atraímos público dentro do Brasil”, explica o especialista internacional do OCV, José Rodrigo Gutiérrez Guerrero Dávalos.

De acordo com o executivo, o número de viajantes que tem o México como destino já é considerável; os locais, no entanto, ainda são pouco variados. “Muitos ainda vão apenas para as proximidades da Cidade do México e Cancún. Precisamos mostrar outros lugares”, afirma. Segundo Dávalos, os brasileiros aparecem na lista de dez países que mais enviam viajantes ao México e à região de Guanajuato.

Por isso, o investimento aqui. Da América do Sul ou de qualquer outro lugar do mundo, o turista que chega à León encontra uma estrutura turística diversa, conforme conta o representante.

A cidade tem o Conjunto Poliforum, sua grande atração para o segmento corporativo, mas também oferece maior outlet de calçados da América Latina, zonas arqueológicas, museus, teatros, shoppings e um corredor hoteleiro com marcas internacionais. Há também boa conexão aeroportuária, como destaca a diretora de Promoção e Eventos do OCV León, Yazmín Quiroz López. “São mais de 100 voos nacionais, 87 internacionais e acessos rodoviários vindos de todo o país”, comenta. Reestruturação da promoção mexicana: O cônsul geral do México em São Paulo, Luis Geraldo Hernández Madrigal, também participou do evento de León. O executivo aproveitou a ocasião para assegurar que as ações do turismo daquele país dentro do Brasil permanecerão acontecendo, mesmo com o fim da CPTM, no início do ano. De acordo com o cônsul, está em andamento um processo de reestruturação para estabelecer uma nova dinâmica da promoção feita por aqui.

Esta entrada foi publicada em Leon no Mexico Promove Turismo De Compras No Brasil e marcada com a tag , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *