Juiz condena agência de viagens a indenizar casal deportado de Paris.

juiz-condena-agencia-de-viagens-a-indenizar-casal-deportado-para-paris

Um casal brasileiro deportado da França em plena lua de mel porque não tinha reservas no hotel vai receber indenização de R$ 23.661,90 da companhia de turismo CVC. O valor equivale a três vezes o valor pago pelo pacote de viagem de núpcias.  A CVC recorreu após ter sido condenada na Comarca de Santo André, mas a 26ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo manteve sentença de condenação.  O casal chegou a Paris em lua de mel, mas a alegria durou pouco: de acordo com os autos, os noivos receberam ordem para retornar ao território brasileiro logo ao desembarcar em Paris, porque não foi confirmada a reserva de hospedagem pelo hotel.

Esta entrada foi publicada em Agência de Viagens Indeniza Casal Deportado de Paris e marcada com a tag , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *