Trinta e nove municípios no Ceará têm potencial para o turismo de aventura.

trinta-e-nove-municipios-no-ceará-tem-potencial-para-o-turismo-de-aventura

Pelo menos 39 municípios do Ceará têm como um de seus principais atrativos a possibilidade do chamado turismo de aventura, que engloba também o ecoturismo e o turismo esportivo.

Turismo de aventura, ecoturismo e turismo esportivo responde por 93,2% das motivações dos turistas que visitam Fortaleza a passeio. Outros 38 municípios têm potencial para esse produto turístico
Foto: George Noronha

A propósito, os seis mais visitados têm esse perfil é o que revela pesquisa da Secretaria de Turismo do Ceará (Setur-CE). O estudo mostra ainda que sete dos dez municípios mais visitados no Estado têm essa vocação. Além disso, quando se avaliam os 20 municípios com mais fluxo de turistas, 11 oferecem atrações do tipo. Os dados são de 2012.

No entanto, o Estado ainda carece de mais estudos sobre o segmento. Segundo o coordenador de Destinos e Produtos Turísticos da secretaria, Mesquita Aires, “muitos turistas vão, por exemplo, para Quixadá praticar voo livre ou para o Cumbuco, praticar kitesurf, mas quando respondem porque estão indo visitar determinado local dizem apenas que vão a passeio.”

Seis municípios mais visitados tem natureza como carro-chefe

O município mais visitado, a capital Fortaleza, com quase 3 milhões de visitantes por ano, é destino procurado por surfistas, kitesurfistas, wakeboarders, skatistas, entre outros, e tem como pontos de destaque, a Praia do Futuro, o Lago Jacareí e o Parque do Cocó.

De acordo com pesquisa da Setur-CE, 47,1% dos turistas que visitaram Fortaleza no ano passado vieram a motivo de passeio e desses 93,2% listaram como atrativos a natureza, a possibilidade de aventuras e o ecoturismo. Apenas 3,5% desse subgrupo listou as compras como motivação.

Esta entrada foi publicada em Ceará e marcada com a tag , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *