Férias na cidade de Fortaleza – Clima, eventos, atrações e pontos turísticos

Conhecer Fortaleza é também fazer um passeio por sua história. A cidade modernizou-se, mas ainda guarda marcas do passado em museus, igrejas, fortes, praças, estações, teatros e prédios históricos. O centro da cidade é repleto dessas lembranças, como a Fortaleza de Nossa Senhora da Assunção, construída no mesmo local onde se originou a cidade, e o Palácio da Luz, uma bela construção em estilo clássico do final do século XVIII, que foi sede do governo do Estado.

Mas, ir às praias é, sem dúvida, um dos melhores programas para quem vem a Fortaleza. As praias de Iracema, Meireles e do Futuro estão entre as mais concorridas opções dentro da cidade. Passear no calçadão da Avenida Beira Mar desde o começo, no Mucuripe, até a Ponte dos Ingleses, na Praia de Iracema, é uma caminhada obrigatória e muito revigorante. Passeios de barco pela orla marítima são oferecidos nos pontos turísticos e são ideais para quem quer apreciar uma visão panorâmica da capital.

A cidade possui uma estrutura física instalada capaz de receber qualquer tipo de evento, dos locais aos internacionais. A facilidade de acesso ao aeroporto, a existência de vôos para as mais diversas regiões brasileiras e países, e a localização privilegiada fazem do Estado a escolha natural para organizadores de feiras, congressos e eventos. Acrescente ainda as diversas atrações turísticas, que proporcionam um entretenimento de primeira para os turistas.

Informação básica

Clima

O clima é tropical quente e seco, com temperatura média anual de 27ºC. A umidade relativa do ar em Fortaleza é de 77%, com
uma precipitação média anual de 1.378,3 mm.

Eventos

Fortal
O maior carnaval fora de época do Brasil acontece durante um final de semana do mês de julho.

Ceará Music

Festival de rock que conta com a apresentação de bandas nacionais e locais, todos os anos, no mês de novembro. Mais
informações: +55 (85) 3227-1917.

Dados da cidade
Fortaleza
Estado: Ceará
Região: Nordeste
População: 2.374.944 habitantes
DDD: (85)

Distâncias
Natal: 533km
Teresina: 634km
João Pessoa: 688km
Recife: 799km
São Luís: 1.070km
Salvador: 1.403km
Rio de Janeiro: 2.838km
São Paulo: 3.144km

Hospedagem / Restaurantes

A culinária cearense é uma mistura saborosa da cozinha portuguesa, que prioriza o peixe, com a alimentação indígena e o tempero de origem africana.

Já a rede hoteleira é considerada uma das melhores do País. Além disso, está entre as mais novas. São centenas de hotéis,pousadas, albergues e flats que guardam um pouco da hospitalidade do cearense.
Confira abaixo algumas opções de hospedagens e restaurantes:
http://www.guiace.com.br/guia-de-turismo/hospedagem

Como chegar
Via Aéreo: O Aeroporto Internacional Pinto Martins recebe vôos das capitais brasileiras e de outros países.
Rodoviário: Todas as capitais do Brasil possuem linhas diretas para Fortaleza.

ServiçosInformações Turísticas: +55 (85) 0800 99 1516 / 3488-7411 / 3256-4080
Aeroporto Internacional Pinto Martins: +55 (85) 3477-1667
Rodoviária: +55 (85) 3256-1025
Hospital Geral: +55 (85) 3488-2800
Agências Bancárias: Possui agências dos principais bancos que operam no Fortaleza.

Links relacionados
www.guiace.com.br
www.fortaleza.ce.gov.br
www.ceara.com.br
Fortaleza.OneTime.com
www.webturismo.com
www.brasilchannel.com.br

Atrações

Praias do Futuro

É a praia urbana preferida entre os banhistas de Fortaleza e conta com uma exemplar infra-estrutura. A praia é muito badalada nos finais de semana. Escolha uma entre as diversas barracas e aproveite o sol.

Porto das Dunas

Essa praia conta com uma grande infra-estrutura para o turismo. Aqui está o maior parque aquático do Brasil.

Praia do Meireles

Ao longo da Praia do Meireles está localizada a maioria dos hotéis da cidade. Essa praia, embora muito bonita, não é indicada para o banho, devido à proximidade do porto.

Morro Branco

É uma praia de tirar o fôlego. Aqui é possível fazer caminhada por entre um impressionante labirinto de falésias.

Praia das Fontes
Praia vizinha de Morro Branco, essa praia é um paraíso para os banhistas. Muito sol, vento refrescante e a água morna são um convite para o lazer. Não deixe de conhecer a gruta Mãe d”água.

Uruaú

Uma fascinante região de praia, dunas e lagoas, a poucos quilômetros de Fontes.

Canoa Quebrada

Canoa Quebrada é a lembrança de uma geração de jovens aventureiros, que, na década de 1970, buscaram uma forma de vida alternativa, integrados à mais pura natureza. Hoje em dia, a praia está entre as mais badaladas do litoral cearense sem, porém, perder o aspecto simples e aconchegante dos tempos passados.

Praia de Icaraí

Está linda praia está localizada a poucos quilômetros de Fortaleza, no litoral norte. Imperdível é um passeio de bugue para as imponentes Dunas de Icaraí.

Lagoa do Banana

Essa lagoa, localizada perto da belíssima praia de Cumbuco, está entre as principais áreas de lazer em Fortaleza.

Antiga Alfândega

Entre 1941 e 1945, o prédio passou por reformas. Hoje, nele funciona a Caixa Econômica Federal. Localização: Avenida Pessoa Anta, 287.

Antiga Cadeia Pública

Os lugares das celas foram transformados em boxes, onde podem ser encontradas as variedades do artesanato cearense. Na parte superior do prédio, funciona o Museu de Arte Popular, com motivos religiosos e folclóricos, e o Museu da Mineralogia, com pedras preciosas e semipreciosas do Ceará e do Nordeste. Localização: Rua Senador Pompeu, 350. Horário de funcionamento: de segunda a sexta-feira das 8h às 18h; e sábado, das 8h às 12h.

Barra do Ceará

O pólo turístico da Barra do Ceará destaca-se por seu alto valor histórico e ambiental. Foi lá que Pero Coelho de Sousa edificou o Forte de São Tiago, na barra do Rio Ceará, a Oeste de onde se localizaria mais tarde a cidade de Fortaleza. O mangue do Rio Ceará é rico, não só a flora como também a fauna. No caso dos pássaros, por exemplo, abriga 67 espécies, que fazem a alegria dos ornitólogos e observadores casuais. As salinas da Barra do Ceará são famosas desde a fundação de Fortaleza. Localização: No bairro da Barra do Ceará, às margens do Rio Ceará.

Casa José de Alencar

Pequena casa onde nasceu o romancista cearense José de Alencar. Erguida em 1826, mantém sua estrutura original até hoje. No sítio encontram-se ruínas do primeiro engenho do Ceará a receber energia a vapor, uma pinacoteca, o museu Arthur Ramos, uma biblioteca e um restaurante com comidas típicas. Localização: Av. Washington Soares, s/n, Sítio Alagadiço Novo, Messejana (a 15 km do centro de Fortaleza).

Catedral Metropolitana de Fortaleza

Sua construção se iniciou em 1938, no local da antiga Igreja da Sé. Foram quatro décadas de dificuldades, até ser inaugurada em 1978. Com capacidade para 5.000 pessoas, tem estilo gótico-romano. Localização: Rua Sobral, s/n – Centro.
Centro Cultural Dragão do Mar – Inaugurado em 7 de agosto de 1998, o Centro Cultural possui 30 mil metros quadrados de área para vivenciar a arte e a cultura cearenses. Possui atrações como o Memorial da Cultura Cearense, o Museu de Arte, o Cine-Teatro, o anfiteatro, a Oficina de Arte e o Planetário.
Localização: Rua Dragão do Mar, 81 – Praia de Iracema.
Centro de Referência do Professor – CRP
No Centro de Referência do Professor (CRP) funcionava o Mercado Central. Atualmente é um grande centro cultural e pedagógico, democratizando o acesso à cultura, às tecnologias da comunicação e da informação, disponibilizando computadores ligados à internet, onde o cidadão pode utilizá-los gratuitamente por uma hora e trinta minutos. Localização: Rua Conde D”Eu, 434 – Centro.

Cine São Luiz

O Cine São Luiz consumiu dezoito anos de esmerada construção e é o maior e o mais luxuoso cinema do Brasil. Possui requintes de palácios imperiais: mármore de carrara no piso e nas paredes do saguão de entrada, lustres de cristal, detalhes das escadarias em latão maciço e uma decoração das paredes da sala de projeção que impressiona pelos detalhes artísticos. Além disso, possui 1.500 confortáveis poltronas e galeria para autoridades. Por muito tempo foi obrigatório o uso de paletó para os freqüentadores, tal o luxo do ambiente. Localização: Rua Floriano Peixoto, 500 – Centro.

Estação Ferroviária João Felipe

Construída em 1880, a estação era ponte de chegada e partida dos trens que faziam o transporte de mercadorias e passageiros do interior para a capital. Atualmente, a estação ainda tem linhas regulares pela zona Metropolitana de Fortaleza.
Localização: Praça Castro Carreira, Centro.

Farmácia Osvaldo Cruz

É um dos mais tradicionais estabelecimentos comerciais de Fortaleza. Foi fundado em meados de 1934 e foi a primeira farmácia de manipulação da cidade. Sua arquitetura foi mantida e os móveis na sua maioria são antigos, dentre os quais alguns são originais. Localização: Rua Major Facundo, 576 – Centro.

Farol do Mucuripe

O antigo farol foi uma homenagem à Princesa Isabel. Construído em estilo barroco, entre os anos de 1840 e 1846, pelos escravos, foi desativado em 1957 e ativado em 1982, abrigando o Museu dos Jangadeiros. Atualmente, funciona o Museu do Farol e é tombado pelo Patrimônio Histórico Nacional. Localização: Av Vicente de Castro, s/n – Mucuripe.

Feirinha da Beira-Mar

Feira de artesanato típico da cultura cearense que funciona todos os dias a partir das 17h. Lá, os turistas podem encontrar uma grande variedade de artesanatos: quadros, garrafas coloridas, redes, rendas, e etc. Localização: Av. Beira Mar (em frente ao Clube Náutico).

Forte de Nossa Senhora da Assunção

Foi construído em 1649, pelo holandês Matias Beck, às margens do Riacho Pajeú, quando recebeu a denominação do Forte de Schoonemborch. Em 1654, após a expulsão dos holandeses, os portugueses ocuparam o forte, rebatizando-o de Fortaleza de Nossa Senhora da Assunção. Foi, depois de 1819, que o forte tomou a forma que tem hoje. É sede do Comando da 10ª Região Militar.
Localização: Avenida Alberto Neponuceno, s/n. – Centro.

Igreja do Rosário

É o mais antigo templo da cidade, datando do século XVIII. Por volta de 1970, a Irmandade de Nossa Senhora do Rosário fez reparos na Igreja, à época ameaçada de ruir. No ano seguinte, foi erguida à pedra e cal. Conta-se que nas paredes do templo foram enterrados corpos de escravos mortos. A igreja ainda possui de original o altar de madeira, portais, imagens e luminárias. É protegida por Lei Estadual. Localização: Rua do Rosário, 2. Praça dos Leões – Centro.

Igreja do Sagrado Coração de Jesus

O local onde se ergueu esta igreja era uma duna denominada Anto da Pimenta ou Alto da Boa Vista, quando, em 22 de setembro de 1848, foi lançada a pedra fundamental da igreja, que seria inaugurada em 25 de março de 1886. Em 1957, parte da igreja desabou, sendo reconstruída com novas formas pelos padres capuchinhos. Pároco Frei João Alberto de Araújo. Localização: Avenida Duque de Caxias, 135 – Centro.

Mercado Central

Está localizado próximo à Catedral. Foi construído em 1818 para substituir dois outros de estrutura metálica, que não mais condiziam com o processo da cidade. Com o crescimento de Fortaleza, o mercado já não comportava mais o movimento que lhe era imposto. Em 1998 foi desativado para a construção do novo Mercado Central. Localização: Rua Alberto Neponuceno, 199 – Centro.

Mercado dos Pinhões

O Mercado dos Pinhões atual é na verdade apenas a metade do antigo Mercado do Ferro, inaugurado a 18 de abril de 1897, vindo da França e desmontado em 1938. Fabricado para abrigar o mercado de carnes, é hoje um dos mais novos tempos da cultura de Fortaleza. Agora denominado Mercado das Artes, revela em si importantes iniciativas do resgate histórico: a restauração e conservação de um patrimônio arquitetônico e sentimental para a cidade e a instituição de um centro de artes que busca, antes de tudo, atuar como uma efervescente usina de idéias e produtos culturais. Localização: Praça Visconde de Pelotas.

Monumento Castelo Branco

Localizado no Palácio da Abolição, antiga sede do governo estadual, é o local onde repousam os restos mortais do ex-presidente do Brasil na época da ditadura, o cearense Humberto de Alencar Castelo Branco, e de sua esposa, Argentina Castelo Branco. Consiste num bloco de concreto com um arrojado balanço de 30 metros e 23 placas com trechos de discursos e cartas do ex-presidente. Localização: Av. Barão de Studart, 410 – Aldeota.

Museu Arthur Ramos (Casa José de Alencar)

Possui um acervo de 3.000 a 5.000 peças, entre elas, mostra da cultura indígena do Ceará e peças de origem africana, coleção que pertenceu ao antropólogo Arthur Ramos. Existem também telas e documentos do escritor José de Alencar. Localização: Av. Washington Soares, s/n, Sítio Alagadiço Novo, Messejana (a 15 km do centro de Fortaleza).

Museu da Imagem e do Som

Inaugurado oficialmente em 1980, no prédio da Biblioteca Pública Estadual Menezes Pimentel, faz parte do Departamento Audiovisual da Secretaria de Cultura. Seu acervo dispõe de mais de 60.000 peças, entre negativos, fotos, slides, discos de cera e fitas-cassete, e também uma pequena biblioteca, com 1.600 exemplares de cordel. Localização: Av. Barão de Studart, 410 – Meireles.

Museu do Ceará (Assembléia Provincial)

Construído em 1871, abrigou a antiga Assembléia Provincial. Atualmente é sede do Museu do Ceará, criado em 1933, e conhecido inicialmente como Museu Histórico do Ceará. A sua denominação atual data de 1950. Em 1953, foi tombado como Patrimônio Histórico. Tem seu acervo organizado por módulos, com aproximadamente 1.141 peças históricas e antropológicas divididas em várias salas. Localização: Rua São Paulo, 51 – Centro. Funciona de terça a sexta-feira, de 8h30 até 17h, e aos sábados, de 8h30 às 12h30. Às terças-feiras, o acesso é gratuito.

Museu do Maracatu

Fundado em 1984, conta a história do Maracatu no Ceará. Possui 230 peças divididas em cinco seções de vestuário, objetos de senzala, instrumentos musicais e personagens do Maracatu. Localização: Rua Rufino de Alencar, 362. Funciona às terças, quartas e quintas-feiras, de 8h às 17h. Entrada franca.

Nova Estátua de Iracema

A obra, de autoria do escultor cearense Zenon Barreto, tem seis metros, sendo dois de pedestal, toda esculpida em ferro e revestida de fibra de vidro. A estátua apresenta-se ajoelhada e curvada em arco, transmitindo toda a dor que assolou o coração de Iracema com a perda de seu amado, na obra de José de Alencar. Localização: Rua dos Tabajaras, s/n. Calçadão – Praia de Iracema.

Palacete Ceará

Inaugurado em 1914, figura como símbolo de grandes transformações na fisionomia da cidade. Foi durante muito tempo ponto de encontro da sociedade cearense, tendo abrigado, entre 1920 e 1940, o famoso Clube Iracema. Em 1955, o prédio foi posto à venda e adquirido pela Caixa Econômica Federal que já o ocupava desde 1946. Localização: Rua Guilherme Rocha, 48. Praça do Ferreira – Centro.

Palácio da Luz

Construído no final do século XVIII para servir de residência ao capitão-mor Antônio da Costa Viana, foi sede do governo estadual, até meados de 1970. Com arquitetura neoclássica, possui amplos salões, cuja construção seguiu a técnica tradicional de tijolo e madeira. Abriga a Academia Cearense de Letras. Está protegido por Lei Estadual. Localização: Rua Rosário, 1 – Centro.

Ponte Metálica

Inaugurada em 1906 para embarque e desembarque de passageiros e cargas. Foi construída com perfis metálicos e piso de madeira. Localização:

Praia de Iracema.

Ponte dos Ingleses
A construção foi iniciada em 1923 pela empresa inglesa Nestor Grifts. Nunca funcionou como porto. A sua vista do pôr-do-sol é considerada a mais bela da cidade. Localização: Rua dos Cariris, s/n – Praia de Iracema.

Porto do Mucuripe

O local ideal encontrado para a construção do porto, que seria outorgada em 1835, foi a Ponta do Mucuripe. Em 1860, o porto foi abandonado e substituído pela construção da Ponte Metálica, inevitavelmente transformar-se-ia no porto de Fortaleza. Localização: Avenida Vicente de Castro, s/n. – Mucuripe.

Praça Coração de Jesus

Era inicialmente chamada de Praça da Boa Vista, por estar localizada no Alto da Boa Vista. Fundada em 1880, após a inauguração da igreja de mesmo nome, a praça é arborizada, com muitos bancos, onde funciona também um terminal de ônibus urbano. Localização: Entre as ruas Solon Pinheiro, Pedro I, Jaime Benévolo e Av. Duque de Caxias.

Praça Cristo Redentor

Recebeu essa denominação em 1922, em razão ao monumento que abriga uma coluna com Cristo no topo, com 35 metros de altura. É considerada uma das praças mais arborizadas de Fortaleza. Nela são realizados muitos eventos culturais por se localizar entre o Teatro São José e o Seminário da Prainha. Localização: Situada entre as ruas Rufino Alencar, 25 de Março, Franco Rabelo e a Avenida Dom Manuel, em frente à biblioteca pública e ao Centro Cultural Dragão do Mar.

Praça do Ferreira

É o centro vital da cidade, onde ao seu redor os inúmeros prédios de importância histórica dividem espaço com diversos estabelecimentos comerciais que ali se concentram. A praça foi inaugurada em 1929, com o nome de Feira Nova. Em 1842, passou a ser chamada Largo das Trincheiras. Em 1871, recebeu a denominação de Praça do Ferreira em homenagem ao boticário Antônio Rodrigues Ferreira. Ao longo da sua história, passou por várias reformas. A última delas se deu em 1991, onde foi instalada uma nova coluna e a redisposição de seus jardins, resgatando, assim, sua arquitetura original. A praça foi escolhida, pela população, como ícone da cidade. Localização: Situada entra as ruas Floriano Peixoto, Guilherme Rocha, Gen. Bezerril e Pedro Borges.– Centro.

Praça José de Alencar

A Praça José de Alencar é uma homenagem ao escritor, advogado, deputado e ministro cearense José Martiniano de Alencar, um dos expoentes do Romantismo. Inicialmente, chamava-se Praça do Patrocínio, depois Praça Marquês de Herbal, hoje Praça José de Alencar. Localização: no centro da cidade, entre as ruas 24 de Maio, São Paulo, General Sampaio e Guilherme Rocha.

Praça dos Mártires (Passeio Público)

Local que serviu de palco às cenas de fuzilamento de alguns heróis da Confederação do Equador. Construída em 1980 em estilo neoclássico, é considerada uma das principais praças de Fortaleza. Em 1940, foi reformada nos moldes do Passeio Público do Rio de Janeiro. A Praça dos Mártires, seu nome atual, é tombada como patrimônio histórico nacional. Localização: Situado entre as ruas Barão do Rio Branco, Dr. João Moreira e Floriano Peixoto, ao lado da 10ª Região Militar.

Parque Ecológico do Rio Cocó

O Rio Cocó tem sua nascente na vertente oriental da Serra da Aratanha, no município de Pacatuba. Tem a Foz na região do Caça e Pesca, no Litoral Leste de Fortaleza. Tem 29 afluentes na margem direita e 16 na esquerda, além de 15 açudes e 36 lagoas.
Veja mais em: www.guiace.com.br

Teatro São José

Inaugurado em 1915. Possui seu próprio grupo teatral, tendo por finalidade acolher grupos de teatro da cidade. Lá encontra-se o Museu do Maracatu. É protegido por Lei Municipal. Localização: Rua Rufino de Alencar, 326 – Centro.

Considerado um dos mais bonitos do País, constitui um dos mais significativos monumentos artísticos da cidade. Foi tombado como patrimônio histórico nacional. Localização: Praça José de Alencar, s/n – Centro.

Compras
O artesanato pode ser encontrado nos mercados locais. Roupas, sapatos, bolsas e biquínis feitos pelas hábeis mãos do cearense
são vendidos na Rua Monsenhor Tabosa, um imenso shopping a céu aberto.

2 Responses

  1. ernesto tomé Says:

    Porto das Dunas é simplesmente fabuloso. Lá voltareri

  2. italo Says:

    quero eer ft e vosses nãum temmmmmmmmm

Leave a Comment





Please note: Comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.