Férias 2011 – Produtos e serviços ficaram mais caros

Um levantamento feito pela Fundação Getulio Vargas (FGV) mostra que as férias vão pesar mais no orçamento das famílias neste ano. O responsável pela pesquisa, André Braz, disse que além do aumento em 12 meses acima da inflação dos produtos e serviços procurados nesta época do ano, o consumidor pode encontrar preços ainda mais altos nas áreas de lazer, transportes e alimentação devido à demanda maior do que o normal em julho.

De acordo com o estudo da FGV, se a opção for viajar, as famílias terão despesas maiores com passagens aéreas, hospedagem e refeições em restaurantes, que acumularam aumento de 13,71%; 12,83% e 9,42%, respectivamente, nos últimos 12 meses até junho. A inflação captada pelo Índice de Preços ao Consumidor (IPC) da FGV no período foi de 6,4%.

Mesmo em casa, reforçar a despensa pesará mais no bolso dos consumidores. Alimentos mais consumidos em época de férias escolares também subiram além da inflação nos últimos 12 meses, tais como bolo pronto (15,19%), batata-frita (11,46%), salsicha (10,27%), biscoitos (9,38%) e bebida de chocolate (7,34%).

A pesquisa ainda mostra que nos serviços relacionados ao lazer, a alta também é expressiva: nos últimos 12 meses, o ingresso do teatro teve elevação de 11,12%, a entrada em clubes de recreação, avanço de 10,75%, o ingresso de show musical, aumento de 7,24%, e em circos, parques de diversão e ringues de patinação, os preços subiram 6,75%.

Fonte Gente & Mercado

Esta entrada foi publicada em turismo e marcada com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *